30 maio 2006
Supernovas
Uma hipótese interessante em que estrelas com massas entre 1.7-2.2 Msolares, podem evoluir para supernovas do tipo I.
 
posted by Jose Matos at 12:38 | Permalink |


1 Comments:


  • At 12:11 da tarde, Anonymous Mauro Simões

    Jose Matos,

    por que será que, havendo bilhões de estrelas apenas na Via-Láctea, se todas das estrelas têm a mesma evolução, que é, preliminarmente, a transformação de hidrogênio em hélio e, após, metais pesados, há tão poucas supernovas detectáveis?

    Uma das últimas dignas de nota foi a de 1976 (1986?), se não me engano.

    Isto é uma pergunta que faço.
    Abraço!