07 julho 2006
O último dia
O meu último dia com 35 anos. Daqui para a frente a curva do meio da vida começa a ser acentuada. Mas ainda estou mais ou menos. Ainda não se nota muito os cabelos brancos nem a barriga grande. Vou-me aguentando apesar da idade.
 
posted by Jose Matos at 20:30 | Permalink |


6 Comments:


  • At 11:34 da tarde, Blogger O Viajante do Espaço

    Os meus parabens. A idade não se mede pelos anos mas pelo estado de espirito.

    Abraço

    Paulo Almeida

     
  • At 10:25 da tarde, Anonymous ALFA CENTAURO

    35 anos??Eu tenho 15 e acho q com 35 a pessoa ainda esta bem jovem.
    bjs

     
  • At 11:59 da manhã, Anonymous Paulo Sanches

    Olá Zé, envio os meus sinceros Parabéns e digo-te que isso da "meia vida" ao 35 anos é tudo treta.
    O que são 35 anos comparados com os anos-luz...
    O mais importante é a juventude de espírito.

    Um grande Abraço,
    Paulo

     
  • At 2:24 da tarde, Blogger Stargazer

    Tenho um plapite que ainda vamos levar contigo durante muitos anos...hehe

    Abraço e Felicidades!

     
  • At 6:55 da tarde, Anonymous João Andrade

    Não o conheço, mas costumo vir ao seu blog que acho interessante. Por isso os meus parabéns, e estou de acordo com "ALFA CENTAURO": eu tenho 16 e acho 35 ainda se tem muito para dar.
    Continue e um abraço

     
  • At 4:31 da manhã, Anonymous Anónimo

    Completei a 30ª volta em torno da estrela mais próxima em abril passado. Mas na minha opinião, não obstante os vícios da vida contemporânea, a nossa órbita parabólica ainda não atingiu aquela curva, amigo. Penso que o ponto de inflexão da nossa curva universal está ali por volta do tempo 40 a 45 anos. Ainda é cedo. Y ainda cresce em relação a X, acredite (RISOS).
    Abraços,
    Diogo (Pedreiras, Brasil)