31 maio 2006
Histórias do Universo
O livro do José Fernando Monteiro. Uma recolha dos artigos que publicou no JN entre 2001 e 2002. É triste já não estar entre nós.

 
posted by Jose Matos at 20:58 | Permalink | 0 comments
Astromira
Já estou disponível o programa do Astromira que decorre no próximo Sábado.
 
posted by Jose Matos at 19:55 | Permalink | 0 comments
Hoje à noite
Saturno, Marte e Mercúrio todos alinhados no céu um pouco abaixo da Lua. Ver mapa aqui.
 
posted by Jose Matos at 19:47 | Permalink | 0 comments
30 maio 2006
Marte
O Espírito lá continua entretido. A olhar em volta, à procura dos rastos do passado. Lá continua a tentar perceber o chão que percorre, as rochas que visita. Vai estar sossegado enquanto o Inverno não passar.

 
posted by Jose Matos at 13:55 | Permalink | 0 comments
Supernovas
Uma hipótese interessante em que estrelas com massas entre 1.7-2.2 Msolares, podem evoluir para supernovas do tipo I.
 
posted by Jose Matos at 12:38 | Permalink | 1 comments
Amadores e cometas
A última Ciel et Espace traz um artigo interessante do David Fossé sobre a dificuldade cada vez maior que os amadores possuem para encontrar cometas no céu. A competição com telescópios automáticos como o LINEAR, o NEAT, o LONEOS e o Spacewatch tem dificultado a vida aos amadores que estão a descobrir menos cometas do que no passado. Em média no passado, as descobertas de amadores eram de 5 a 6 cometas por ano, agora passaram para 2 cometas/ano. Mas esta situação vai ainda piorar no futuro com novos telescópios automáticos. Por isso, há já quem calcule que no futuro as descobertas de amadores passarão para 5 cometas por década. Deste modo, torna-se muito difícil de obter sucesso neste tipo de busca. É claro que ainda é cedo para dizer ao certo o que vai acontecer, mas vai ser cada vez mais difícil a um amador ter o seu nome num cometa.
 
posted by Jose Matos at 11:00 | Permalink | 0 comments
29 maio 2006
Espiral dourada
Um livro muito interessante de 3 autores portugueses sobre as referências científicas presentes no "Código Da Vinci".

 
posted by Jose Matos at 21:39 | Permalink | 1 comments
Livros
Uma livraria on-line com livros sobre questões espaciais. Muito bem organizada.
 
posted by Jose Matos at 21:18 | Permalink | 0 comments
Será que há cometas binários?
A descoberta recente de um Centauro (asteróide) binário veio levantar a possibilidade de poderem existir cometas de curto período binários. Até hoje nenhum foi detectado, mas não deixa de ser uma hipótese interessante.
 
posted by Jose Matos at 14:05 | Permalink | 0 comments
Plutão
Novos dados sobre os satélites de Plutão.
 
posted by Jose Matos at 14:02 | Permalink | 0 comments
Astroemir
É já no próximo fim-de-semana que decorre em Mira o Astroemir. Vou estar presente fazendo um pequeno passeio por Marte.
 
posted by Jose Matos at 13:58 | Permalink | 0 comments
Colombo a caminho da América
O módulo europeu Columbus está prestes a deixar a Alemanha para iniciar a sua viagem rumo a Cabo Canaveral. O módulo é a contribuição europeia para a ISS e deverá ser levado para o espaço a bordo do vaivém em finais do próximo ano. É uma peça importante na estação espacial, mas vamos ver até que ponto a sua instalação permitirá um maior acesso dos europeus à ISS?

 
posted by Jose Matos at 13:54 | Permalink | 0 comments
26 maio 2006
Space Oddity
Ground Control to Major Tom
Ground Control to Major Tom
Take your protein pills and put your helmet on

Ground Control to Major Tom
Commencing countdown, engines on
Check ignition and may God's love be with you

(spoken)
Ten, Nine, Eight, Seven, Six, Five, Four, Three, Two, One, Liftoff

This is Ground Control to Major Tom
You've really made the grade
And the papers want to know whose shirts you wear
Now it's time to leave the capsule if you dare

"This is Major Tom to Ground Control
I'm stepping through the door
And I'm floating in a most peculiar way
And the stars look very different today

For here
Am I sitting in a tin can
Far above the world
Planet Earth is blue
And there's nothing I can do

Though I'm past one hundred thousand miles
I'm feeling very still
And I think my spaceship knows which way to go
Tell my wife I love her very much she knows"

Ground Control to Major Tom
Your circuit's dead, there's something wrong
Can you hear me, Major Tom?
Can you hear me, Major Tom?
Can you hear me, Major Tom?
Can you....

"Here am I floating round my tin can
Far above the Moon
Planet Earth is blue
And there's nothing I can do."

David Bowie
 
posted by Jose Matos at 18:22 | Permalink | 1 comments
25 maio 2006
Amanhã
Nos Encontros Culturais de Castelo Branco a falar sobre as origens do Universo.
 
posted by Jose Matos at 13:32 | Permalink | 0 comments
Eclipse
A revista Astronomy Now traz uma imagem fantástica do eclipse obtida pelo Pedro Ré.
 
posted by Jose Matos at 13:29 | Permalink | 0 comments
Astrofesta 2006
Para os interessados a Astrofesta 2006 vai ser em Proença-a-Nova nos dias 4, 5 e 6 de Agosto. É o fim-de-semana em que a Lua está em Quarto Crescente, o que permite a sua observação. Como acontece todos os anos, o evento terá observação e palestras sobre temas astronómicos. Irei falar dos pioneiros do espaço.
 
posted by Jose Matos at 13:24 | Permalink | 1 comments
24 maio 2006
Em Órbita
Nova edição do boletim Em Órbita. A ver.
 
posted by Jose Matos at 14:14 | Permalink | 0 comments
A ver
O número de Junho da revista Ciel et Espace com o dossier sobre a busca de vida extraterrestre.

 
posted by Jose Matos at 12:52 | Permalink | 0 comments
23 maio 2006
3... 2... 1... Liftoff!
Um excelente guia de actividades da NASA sobre exploração espacial. Pode ser facilmente obtido em PDF.

 
posted by Jose Matos at 17:15 | Permalink | 0 comments
SW 3
O 73P/Schwassmann-Wachmann 3, visto pela Superconducting Camera da ESA que está instalada nas Canárias num telescópio de 1 metro.

 
posted by Jose Matos at 16:49 | Permalink | 0 comments
Jápeto
Jápeto visto pela Cassini com a sua assimetria de cor entre o hemisfério posterior e anterior, este último mais brilhante.

 
posted by Jose Matos at 16:41 | Permalink | 0 comments
22 maio 2006
Crew Exploration Vehicle
Já existe à venda na Space Toys uma réplica de 1/72 do Crew Exploration Vehicle (CEV).


 
posted by Jose Matos at 16:29 | Permalink | 0 comments
Sábado
No Sábado na Bertrand de Aveiro a falar sobre os pioneiros do espaço. Não esteve muita gente, mas deu para encher a pequena sala.

 
posted by Jose Matos at 13:47 | Permalink | 0 comments
Marte
O Oportunidade continua a travessia da cratera Erebus rumo à cratera Victoria. Pelo caminho vai encontrando coisas estranhas como estes campos de material granuloso. Não se sabe a sua origem, mas estão para ali a chamar pela nossa curiosidade. O rover passará por lá.

 
posted by Jose Matos at 13:30 | Permalink | 0 comments
19 maio 2006
Sagan
Como os músicos há muito desaparecidos que vão dando discos, Sagan 10 anos depois da morte dá mais um livro. O livro é baseado numa série de conferências que deu na Universidade de Glasgow em 1985 sobre a busca de Deus e a ciência. É claro que quem conhece a obra dele sabe o que pensava sobre a religião e sobre a sua posição agnóstica e mesmo crítica da existência de um Deus. Mas para Novembro o livro sai na Penguin e lá para 2007 será publicado entre nós pela Gradiva.

 
posted by Jose Matos at 21:10 | Permalink | 0 comments
Mais 1
Uma equipa de astrónomos amadores e profissionais detectou mais um planeta extra-solar. Até aqui nada de muito novo. O curioso é que usaram meios muito modestos como se podem ver pela foto. O telescópio XO custou 60 mil dólares e apesar do seu aspecto amador é uma máquina interessante para procurar planetas extra-solares. Desta vez o método usado foi o método do trânsito. Aqui fica o link para o artigo da descoberta.

 
posted by Jose Matos at 13:50 | Permalink | 0 comments
Damka
Damka (pequena dama) foi lançada em Dezembro de 60 com a companheira Krasavka. Mas o 3º andar do foguetão falhou. A cápsula fez um voo suborbital a caiu na Sibéria. As equipas de resgate demoraram mais de 60 horas para encontrar a cápsula. Quando a encontraram na neve a temperatura em volta era de 40 graus negativos. Os técnicos tiveram de desmontar um sistema de autodestruição que a cápsula tinha, mas, entretanto, a noite caiu e tiveram que parar com a operação de resgate. Só no dia seguinte é que puderam voltar ao local. Apesar da temperatura durante a noite ter descido a 49 graus negativos, as duas cadelas sobreviveram a tudo e foram recuperados com sucesso. É destes pequenos heróis que vou amanhã falar na Bertrand em Aveiro. É a minha palestra para este Verão. Voltarei ao tema na astrofesta.


 
posted by Jose Matos at 12:58 | Permalink | 0 comments
18 maio 2006
LX 200R
A Meade decidiu também aplicar a fórmula Ritchey-Chrétien ao LX 200.
 
posted by Jose Matos at 15:54 | Permalink | 0 comments
Ainda o eclipse
Uma reportagem fotográfica e em vídeo feita por vários amadores portugueses que foram à Turquia ver o último eclipse total do Sol. O vídeo principalmente está muito interessante com música do "Cosmos".
 
posted by Jose Matos at 13:54 | Permalink | 0 comments
3 de uma vez só
É sempre com um imenso gosto que divulgo aqui descobertas realizadas por astrónomos portugueses como esta de um trio de planetas extra-solares com massas semelhantes à de Neptuno à volta da estrela HD 68930. Segue o resumo da descoberta que o Alexandre Correia me enviou.

Descoberto um novo sistema solar: o tridente de Neptuno

Uma equipe europeia de astrónomos, que inclui dois investigadores portugueses (Alexandre Correia, do Departamento de Física da Universidade de Aveiro, e Nuno Cardoso Santos, do Centro de Astronomia e Astrofísica da Universidade de Lisboa e do Centro de Geofísica de Évora), anunciou a descoberta de um novo sistema planetário constituído por três planetas semelhantes a Neptuno. Este sistema planetário parece ainda possuir uma cintura de asteróides, tornando-o assim um dos mais parecidos com o nosso Sistema Solar. Além disso, à semelhança da Terra, o terceiro planeta do novo sistema encontra-se igualmente na zona habitável.

Esta nova descoberta só foi possível devido à utilização do espectrógrafo "HARPS", o equipamento mais rigoroso actualmente existente para a detecção de planetas, e que está instalado num dos telescópios do ESO (European Southern Observatory), organização à qual Portugal pertence.

Esta descoberta é agora publicada no número de 18 de Maio de 2006 da prestigiada revista Nature.

Na última década os astrofísicos têm descoberto dezenas de planetas a orbitar outras estrelas semelhantes ao Sol. Na grande maioria dos casos, os planetas descobertos são gigantes gasosos, semelhantes a Júpiter, o maior planeta do Sistema Solar (com ~318 vezes a massa da Terra). No entanto, o recente desenvolvimento das técnicas de procura de planetas extra-solares tem permitido a descoberta de alguns planetas com massa entre 5 e 20 vezes a massa da Terra, comparáveis à massa de Neptuno (~17 vezes a massa da Terra).

Agora, uma equipe europeia de astrofísicos anunciou a primeira descoberta de um sistema composto por 3 planetas com massas semelhantes à de Neptuno, todos eles em órbitas quase-circulares. Estes planetas orbitam a estrela HD69830, uma estrela próxima do Sol (~41 anos-luz), e efectuam uma volta a esta em cada 8.67, 31.6 e 197 dias, respectivamente.

A descoberta foi feita recorrendo ao método das velocidades radiais e só foi possível graças ao rigor do espectrógrafo HARPS, acoplado ao telescópio de 3.6 m do Observatório de La Silla, no Chile, que pertence ao ESO (European Southern Observatory). Este equipamento permite a medição das velocidades radiais com uma precisão melhor do que 1 m/s (3.6 km/h, ou seja, a velocidade de uma pessoa a caminhar). Segundo Nuno Cardoso Santos (CAAUL/GCE), "a enorme precisão do HARPS permito-nos detectar o movimento da estrela HD69830 induzido pela gravidade dos 3 planetas que a orbitam, apesar destes terem uma massa de apenas 10.2, 11.8 e 18.1 vezes a massa da Terra, respectivamente".

Uma série de simulações numéricas, realizadas pelo Prof. Alexandre Correia (Universidade de Aveiro), um dos co-autores do artigo, mostram que o sistema é extremamente estável dinamicamente. Observações anteriormente realizadas com o telescópio espacial Spitzer tinham mostrado que esta estrela emite muito nos infra-vermelhos. Estas observações sugerem que a emissão é proveniente de poeira em torno da estrela, que emite a uma temperatura de cerca de 130 graus centígrados (400 graus Kelvin). Os estudos dinâmicos agora realizados sugerem que esta emissão seja emitida de uma cintura de asteróides localizada entre as órbitas do segundo e terceiro planeta do sistema, ou numa órbita ligeiramente mais distante. A colisão entre os asteróides desta cintura será responsável pela existência da poeira detectada.

Mais ainda, os modelos teóricos parecem mostrar que o planeta que se encontra mais próximo da estrela será constituído sobretudo por rochas, enquanto que o segundo planeta deve ser rochoso e possuir uma extensa atmosfera. O terceiro planeta do sistema, e o mais afastado da estrela, parece ser constituído por rochas e gelos, rodeados por uma espessa atmosfera. Este último é o primeiro planeta descoberto com uma massa semelhante à de Neptuno e que se encontra simultaneamente na zona habitável do sistema, isto é, a zona com condições propícias à existência de vida. Contudo, devido à sua massa relativamente elevada, é improvável a existência de água no estado líquido.
 
posted by Jose Matos at 13:26 | Permalink | 0 comments
17 maio 2006
Sábado
Dia 20 de Maio pelas 17h30m. Conferência sobre astronomia e o titulo será "Os pioneiros do espaço" proferida por José Augusto Matos na livraria Bertrand no Fórum Aveiro. A entrada é livre.
 
posted by Jose Matos at 16:36 | Permalink | 0 comments
Tempel 1
Um artigo que analisa a origem dos cometas com os resultados obtidos durante a missão Deep Impacto ao Tempel 1.
 
posted by Jose Matos at 16:19 | Permalink | 0 comments
Planeta em Fomalhaut?
Será que Fomalhaut tem um planeta escondido no seu disco?
 
posted by Jose Matos at 12:18 | Permalink | 0 comments
Voyager 1
Jamais uma nave humana chegou tão longe. Mergulhada na mais profunda escuridão continua a enviar sinais de rádio para Terra. Só que os sinais demoram mais de 27 horas a viajar ida e volta entre ela e nós. As novidades chegam sempre atrasadas. Daí que é espantoso que um radioastrónomo amador português tenha captado os sinais rádio desta sonda. Podem ver aqui na página do Luis Cupido a detecção do sinal.

 
posted by Jose Matos at 12:05 | Permalink | 0 comments
Heróis do espaço
Ugolek (Pequeno Pedaço de Carvão) Veterok (Vento ligeiro) foram lançados para o espaço em Fevereiro de 66 a bordo do satélite Cosmos 110. Estiveram 22 dias em órbita, antes de pousar no dia 15 de Março de 66. O voo que fizeram é até hoje o mais longo levado a cabo por cães e em termos de permanência em órbita só seria ultrapassado pelo Skylab 2 em 74. Depois do voo, Veterok adoeceu perdeu o pêlo e morreu. Mas Ugolek sobreviveu e ainda foi mãe de vários cachorros.

 
posted by Jose Matos at 12:00 | Permalink | 0 comments
16 maio 2006
Dobson de 40
Por sugestão de um comentador aqui fica o link para um dobson de 40 polegadas produzido em Itália pela Geoptik. Mais barato que o NTT 40 da JMI, mas mais difícil de usar devido ao tamanho.

Adenda: como já foi dito na secção de comentários o telescópio italiano citado é de 40 cm e não de 40 polegadas como erradamente se disse.
 
posted by Jose Matos at 14:00 | Permalink | 3 comments
Sábado
No próximo Sábado às 17h30 estarei na livraria Bertrand em Aveiro para dar uma palestra sobre os pioneiros do espaço. A não perder.
 
posted by Jose Matos at 13:54 | Permalink | 0 comments
A ver
Uma revista trimestral que não conhecia e que tem sempre artigos sobre exploração espacial. O último número traz um sobre o projecto LISA da ESA. A revista está disponível em 4 línguas e a assinatura custa 17 euros/ano.

 
posted by Jose Matos at 13:45 | Permalink | 0 comments
15 maio 2006
Heróis do espaço
Dois heróis do espaço sobre os quais falarei esta semana. Ugolek e Veterok.

 
posted by Jose Matos at 16:44 | Permalink | 0 comments
Templates
Devo confessar que grande parte dos blogues que conheço apresentam templates pouco interessantes. Mas não deve ser por falta de templates. A autora deste lançou mais alguns na área da astronomia disponíveis para o blogger.
 
posted by Jose Matos at 16:05 | Permalink | 3 comments
Fórum
Um novo fórum de astronomia em português.
 
posted by Jose Matos at 14:01 | Permalink | 0 comments
Vesta
Será que Vesta possui um campo magnético que o protege do vento solar?
 
posted by Jose Matos at 13:55 | Permalink | 0 comments
Telescópios
Não é fácil encontrar hoje em dia uma empresa que produza telescópios dobson de grande diâmetro, ou seja, para cima de 30 polegadas (75 cm) de diâmetro. Os grandes dobson da Obsession vão até às 30 polegadas, mas não passam daí. É claro que manusear um dobson deste diâmetro é difícil e isso não encoraja muito os potenciais compradores. Mas pelo ritmo de vendas da Obsession parece que há sempre gente interessada. É que usar um telescópio com tais características é uma experiência inesquecível. Daí que todos nós sonhamos um dia ganhar o totoloto não para comprar uma boa casa ou um bom carro, mas sim para comprar um dobson de 30 polegadas e fazer um pequeno observatório numa aldeia da serra com céus escuros e límpidos. Já agora fica aqui a fotografia do maior telescópio amador actualmente à venda. O NTT 40 da JMI. Tem 1 metro de diâmetro.


 
posted by Jose Matos at 13:12 | Permalink | 3 comments
12 maio 2006
Memória do tempo
Há 20 anos a Astronomy trazia na capa a Voyager 2 a passar perto de Miranda e as novidades sobre as descobertas que fez em Úrano em Janeiro de 86. Foi uma passagem histórica e desde então Úrano nunca mais foi visitado.

 
posted by Jose Matos at 19:59 | Permalink | 0 comments
A ver
O último número da revista Astronomy com os primeiros mil milhões de anos da história do Universo.

 
posted by Jose Matos at 19:52 | Permalink | 0 comments
11 maio 2006
SW 3
Desta vez foi o Spitzer a fotografar o SW 3.

 
posted by Jose Matos at 19:47 | Permalink | 0 comments
Venus Express
A Venus Express entrou finalmente na sua órbita operacional. Ver aqui.

 
posted by Jose Matos at 19:35 | Permalink | 0 comments
10 maio 2006
Titã
Foi colocado na net um pequeno filme da descida da Huygens em Titã. O filme dura apenas 4 minutos e 40 segundos e é uma simulação muito interessante feita com base nas 3500 imagens enviadas pela Huygens para a Terra.
 
posted by Jose Matos at 14:28 | Permalink | 0 comments
OVNIS
O Ministério da Defesa britânico divulgou por solicitação de um investigador, um relatório sobre objectos voadores estranhos onde é referido que não há provas da visita de vida extraterrestres à Terra. Este tipo de relatórios já tinha sido feito no passado não só na Inglaterra como noutros países e nunca encontraram nenhum caso que possamos sem sombra de dúvida atribuir a uma visita extraterrestre. Mas obviamente que não deixa de ser estranho que existam tantos relatos. A este propósito fica uma sugestão de leitura para perceber porque razão não sendo um fenómeno de origem extraterreste há tantos relatos sobre isto.

"Ovnis e contacto com Extraterrestes"
de Robert E. Bartholomew e George S. Howard da Bertrand Editora.

 
posted by Jose Matos at 13:02 | Permalink | 0 comments
A ver
O José Raeiro que como eu anda nestas coisas da divulgação tem uma página nova.
 
posted by Jose Matos at 12:07 | Permalink | 0 comments
A herança
Na imensidade de tempo que temos à nossa frente muito haverá sem gente na Terra. Muito haverá em que apenas as pedras falarão a linguagem do silêncio. Já assim era antes de nós e assim será no futuro. Mas apesar da nossa precariedade fomos capazes de explorar o espaço e de tentar perceber o absurdo de estarmos aqui. É essa a nossa maior herança, mesmo que um dia não exista ninguém a quem a deixar. Mas fica sempre alguma coisa. Nem que seja uma nave perdida na vastidão do espaço.
 
posted by Jose Matos at 12:06 | Permalink | 1 comments
09 maio 2006
Big Bang
Uma palestra interessante que um estudante pós-doc em Cambridge deu no ano passado sobre as concepções erradas a respeito do Big Bang.
 
posted by Jose Matos at 17:16 | Permalink | 0 comments
Cometa
Uma animação de um observador americano do SW 3 a passar perto da nebulosa do anel em Lira.
 
posted by Jose Matos at 13:46 | Permalink | 0 comments
Marte
Um livro bastante completo sobre Marte. Bastante bom na abordagem da geologia marciana.

 
posted by Jose Matos at 13:35 | Permalink | 0 comments
08 maio 2006
A ver
Alguns seminários interessantes sobre temas de cosmologia e Física de Altas Energias.
 
posted by Jose Matos at 16:44 | Permalink | 0 comments
Planetários
Para quem gosta de planetários o novo site da RSA Cosmos.
 
posted by Jose Matos at 14:30 | Permalink | 0 comments
Ver ISS
Hoje à noite por volta das 21h40 é possível observar a ISS com um brilho razoável. Os interessados podem ir ao heavens-above e ver a que horas passa no seu local de observação.
 
posted by Jose Matos at 14:22 | Permalink | 0 comments
06 maio 2006
À Noite
As noites convidam à observação. Júpiter está no seu melhor e Saturno continua a merecer a nossa atenção. E o cometa esfrangalhado passa por Lira. Bons motivos para montar o telescópio e dar uma espreitadela. E foi isso que fiz hoje numa escola rodeado de pequenos curiosos e dos pais que também gostam de ver.
 
posted by Jose Matos at 00:58 | Permalink | 2 comments
05 maio 2006
Mancha vermelha
Há algum tempo que a nova mancha vermelha de Júpiter tem vindo a ser observada por amadores. Mas desta vez o Hubble foi apontado para o planeta gigante e tirou esta foto. A mancha aparece à esquerda em baixo.

 
posted by Jose Matos at 11:51 | Permalink | 0 comments
04 maio 2006
À boleia com Newton
À Boleia com Isaac Newton - O Automóvel e a Física é um livro muito interessante do Barry Parker, que explica os conceitos da Física envolvidos no funcionamentos dos automóveis. É um bom livro para suscitar o interesse pela Física. Se no meu tempo de escola tivesse um livro destes talvez tivesse olhado para a Física com outros olhos. Eu e muitos. Mas eu faço parte de uma geração a quem a Física passou ao lado.

 
posted by Jose Matos at 12:28 | Permalink | 0 comments
03 maio 2006
SW 3
O Pedro Ré também tem acompanhado o cometa. Ver aqui.
 
posted by Jose Matos at 14:55 | Permalink | 0 comments
Saudades do Verão
Um campo ondulado de areia separa o Espírito dos declives de Husband Hill. Já lá vão 200 sóis, ou dias marcianos, desde que o rover começou a descer do topo desta colina para a sua posição actual, onde passará o Inverno. E agora que olha para lá talvez sinta saudades do tempo em que estava no topo, em que vista era outra. Talvez sinta saudades do Verão que lá passou. Dos tempos quentes que em Marte são sempre frios.

 
posted by Jose Matos at 13:55 | Permalink | 0 comments
02 maio 2006
De repente
E de repente as nuvens surgem e aquilo que parecia ser uma boa noite de observação deixa de ser.
 
posted by Jose Matos at 19:16 | Permalink | 3 comments
Cais de Gaia
Um blogue sobre ciência que não conhecia.
 
posted by Jose Matos at 15:21 | Permalink | 0 comments
Cometa
O João Pereira fez esta imagem do fragmento C do SW 3.

 
posted by Jose Matos at 12:20 | Permalink | 0 comments
Logo à noite
Logo o tempo vai estar bom para observar. Para os meus alunos de exploração planetária a noite vai ser de observação. Mas para mim vai ser também uma satisfação. Já estive e tirar o pó ao telescópio. Logo tem muito que ver.
 
posted by Jose Matos at 12:15 | Permalink | 0 comments
SW 3
Não é frequente termos um cometa por aí que se observe com binóculos. Mas o SW 3 veio quebrar esse jejum. O curioso é que noutros tempos quando passava perto do Sol de 5 em 5 anos ninguém reparava nele. Só que em 1995 partiu-se (e continua a partir-se) e desta vez os seus fragmentos passam 11 milhões de km da Terra, o que é pouco para um cometa. O mais interessante é o fragmento C, que está a passar hoje na constelação de Hércules. Mas este bocado está a andar bem e na noite de 7 para 8 vai passar na nebulosa do Anel em Lira, o que dará concerteza fotos muito interessantes. Mas para quem tiver binóculos aqui está uma coisa interessante a seguir.
 
posted by Jose Matos at 12:10 | Permalink | 0 comments