20 junho 2006
O meu primeiro livro de cosmologia
Já lá vai tempo. Comprei-o em 1988. Mas mesmo a esta distância continua a ser um livro interessante de cosmologia. É obviamente um livro datado, dado que foi escrito há mais de 20 anos. Mas do ponto de vista histórico continua a ser um bom percurso para saber como se chegou à ideia do Big Bang. Não tem praticamente nada sobre teorias de cordas ou branas, mas de resto proporciona uma boa visão sobre o modelo padrão do Big Bang e de como é que se chegou lá. Foi por aqui que comecei embora na altura não tenha percebido muito do que li. A Física Quântica e outros conceitos eram novidades para mim e fiquei atrapalhado. Percebi alguma coisa. Talvez o essencial.

A Gradiva já tinha traduzido na altura “Os Três Primeiros Minutos” do Weinberg (1987), que era uma boa descrição do modelo padrão do Big Bang quente, mas que não passava muito disso. Portanto, este livro do Gribbin era uma novidade. Ainda o guardo como memória desse tempo.

 
posted by Jose Matos at 18:16 | Permalink |


4 Comments:


  • At 10:52 da manhã, Anonymous stargazernc2

    Eu gostei d'"Os três primeiros minutos", no entanto também me custou a digerir...Li-o qd sabia pouco sobre cosmologia. E ainda hoje sei pouco, mas já sei um pouco mais. :)
    Quanto ao livro do Gribbin, eu tenho a última edição (em inglês, da Penguin books) dele lá em casa, em lista de espera. Esse e o "In Search of Time" do Gribbin também. A Cosmologia fascina-me.

     
  • At 11:07 da manhã, Blogger Stargazer

    Já agora...Oh Zé, pá... Falas em Big Bang Quente...Isso "acordou-me"...Sabes onde posso ler alguma coisa de jeito sobre o Big Bang "frio"?

     
  • At 1:02 da tarde, Blogger Jose Matos

    Olá Nuno

    O livro do Gribbin é bom para veres esses conceitos.

    Já agora o livro do Gribbin é inglês é em Search of the Big Bang.

    Abraço

     
  • At 9:37 da manhã, Blogger Stargazer

    Olá Zé;

    Mal possa vou ver se o leio. Qt ao titulo do livro, eu tenho os dois. :) O In Search of the Big Bang (última edição, da Penguin) e o the Birthof Time (tb do gribbin e da penguin) My mistake.

    Abraço